Parabéns

Parabéns
Participem com contos, sugestões e fotos para incluir no nosso blog. Podem enviar para o nosso contacto : pontoerotyco@gmail.com - vamos chegar às 400 000 visualizações

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

POEMA



Minhas mãos percorrem o seu corpo

Como se tatuassem na minha memória

Cada pedacinho dele... 

Para que eu não sinta a sua ausência

Te guardo concreto, não é sonho...

Sinto o seu cheiro, seu sabor...

Só tenho de você aquilo que posso...

Aquilo que me deixas provar...

Sinto este desejo que percorre

Quanto mais me entrego

mais eu te quero


Quanto mais eu penso

mais o desejo fica a flor da pele

Não sou a melhor

e nem quero ser

so quero ser tudo o que queres

Temos segredos inconfessáveis

mas que não queremos saber, ou sabemos

O que importa é o nosso momento

É o seu corpo respondendo aos meus carinhos

E o meu se entregando ao deleite do teu prazer
Somos assim, e assim seremos por muito tempo...
ELAINE COLETTI

2 comentários:

  1. Que delícia de poema....
    A primeira imagem é uma dose de carinho e intimidade....

    ResponderExcluir
  2. Com um poema delicioso e imagens gostosas..

    ResponderExcluir